Transporte Ferroviário do Brasil

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 Transporte ferroviário é o realizado sobre linhas férreas para transportar pessoas e mercadorias. As mercadorias transportadas neste modal são de baixo valor agregado e em grandes quantidades como: minério, produtos agrícolas, fertilizantes, carvão, derivados de petróleo, etc.

  Uma característica importante da linha férrea é a bitola que tem como definição a distância entre os trilhos de uma ferrovia. No Brasil, existem 3 tipos de bitola: larga (1,60m), métrica (1,00m) e a mista. Destaca-se que grande parte da malha ferroviária do Brasil está concentrada nas regiões sul e sudeste com predominância para o transporte de cargas.

  Características do transporte ferroviário de carga no Brasil:

  • Grande capacidade de carga;
  • Adequado para grandes distâncias;
  • Elevada eficiência energética;
  • Alto custo de implantação;
  • Baixo custo de transporte;
  • Baixo custo de manutenção;
  • Possui maior segurança em relação ao modal rodoviário, visto que ocorrem poucos acidentes, furtos e roubos.
  • Transporte lento devido às suas operações de carga e descarga;
  • Baixa flexibilidade com pequena extensão da malha;
  • Baixa integração entre os estados; e
  • Pouco poluente.
Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes VALEC - Encgenharia, Construções e Ferrovias S.A. Agência Nacional de Transportes Terrestres Agência Nacional de Transportes Aquaviários Programa de Aceleração do Crescimento TAV Brasil